Atacama
Desierto de Desiertos


Follow tiagouriartt on Twitter

Pedra nas pombas

9 de Fevereiro de 2006

Hoje pela manhã, café da manhã, e o Paulo foi a mecânica para ver o que ia acontecer. Eu queria matar a curiosidade de rever minha cidade natal. Caminhamos ao centro, paguei minhas contas e descobri que a dita cuja estava além do vermelho. EHEH E o pior é que o pagamento que entrava automaticamente foi estornado, enfim uma beleza! Depois ia ver o que fazer, nada além de juros, mas isso não ia ser minha dor de cabeça agora.

Conhecemos o centro, alguns monumentos históricos e voltamos para o hotel. Infelizmente nada de fotos afinal estávamos sem cartão e não achávamos local para limpar o cartão. Agora fica tudo na memória, minha memória.

Voltando ao hotel enquanto o Paulo não voltava o Führ filho pentelhava a Ale, motivo pelo qual este dia é nomeado, estava atirando pedra na pomba do Delon já que até agora só beijo na bochecha ele ganhou. Isso lá em Resistência a vários dias atrás. Logo tava numa seca de doer, acredito que todos menos o Delon! EHEHEH

Paulo volta da mecânica sem boas notícias, teremos que ficar mais um dia. Reunião geral, se até amanhã a coisa não se resolver o que fazer? Por mim iria ficar esperando até tudo ficar pronto. Saí de Kombosa vou voltar de Kombosa! Foi um consenso, e agora? Vamos no gordo comer e contar causo!

Claro, o Führ filho seguia torrando o saco da Ale, daqui a pouco ia apanhar do Delon. EHEHEH Para mudar o rumo do assunto, resolvemos fechar as contas do passeio.

A manutenção na kombosa saiu grana de todo o lado. Foi gasto algo em torno de R$ 941,00 pago em cheque, cartão e dinheiro vivo. Fora o fechamento do que cada um tinha que repassar para o outro para todos gastarem o mesmo. De todos segundo os rabiscos que tenho na agenda o Vini é o que tinha o maior aporte de grana fornecido ao grupo. Mas no fim das contas eu tinha que passar para o Ronaldox R$ 120,00.

Noite feita não tínhamos muito que fazer senão dormir. Pagamos o restaurante e voltamos para o hotel. Antes de pegar no sono uma atualização do diário de bordo, conversa jogada fora e cama. 

Cadastre seu comentário

Captcha

Postagem #1 por Dario

08/26/2015 08:00 — email

Muito bom Beto. Sem vocea jamais teoramis estes momentos registrados. Espero que a ABES tenha como armazenar este acervo para no futuro relembramos o nosso passado. As coisas boas que estamos fazendo Uma abrae7o, Vitorio.

Postagem #2 por wilker

04/22/2011 12:39 — email

voces fizeram o que eu sempre quis fazer com o nosso clube.Parabéns!



Quer promover sua marca ou site? Anuncie aqui vivente!
Resolução recomendada 1024x768. Desenvolvido por Tiago Uriartt.